Solidão – Oportunidade de reencontro

Solidão – Oportunidade de reencontro

Será que sou só eu … que me esqueço de quem sou?

Quero ser eu hoje, quero ser eu do princípio ao fim.
Quero ser quem sou porque não faz mal.
Quero ser eu porque ser eu é bonito, feio e bonito por ser feio.

Quem sou eu? Quero ser eu hoje.
Como posso querer ser algo que não sei o que é?
A fronteira que separa o meu eu do eu dos outros desapareceu e, de repente, já não sei quem sou.
Já não sei quem de mim me pertence ou me foi oferecido por outras pessoas.

Preciso de estar só comigo.
Não sei onde estou, onde começo e onde acabo.
Não sei quais são as minhas formas e extremidades.
Não sei de mim, não me encontro.
Apalpo o meu corpo, a minha alma, os meus pensamentos e não sinto, em nenhum, o meu coração.
Vazio. Silêncio. Preciso de estar só comigo e talvez quando assim for, já não estarei Só.

 A sua Coach,
Joana Areias

 

One Comment

  1. 12-17-2013

    Poético….

    e a eterna questão… encontrar-me em mim mesma e não em alguém..

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *