Regras, regras e mais regras

Regras, regras e mais regras

Regras, regras e mais regras

 

Ultimamente tenho mudado de paradigma em relação a tantas coisas que de repente dou por mim a perceber que, sem querer, caímos numa data de supostos relativamente àquilo que a nossa vida deveria ser…

  • “Tem de se almoçar à hora do almoço, portanto mais tardar às 13h30 pára tudo!!!”
  • “O meu filho não pode ir para a cama sem tomar banho”
  • “Agora que casei vou comprar uma carrinha que dê para a família porque já não faz sentido comprar o carro que sempre quis”
  • “Não vou escolher um sofá branco como quero porque depois suja-se muito”
  • “Ou como pipocas doces ou como pipocas salgadas … O que hei-de fazer???”
  • “É importante dar trabalhos de casa às crianças”
  • “Feijoada não é para comer ao pequeno almoço e torradas com compota não é jantar”
  • “Para viver a vida tenho de trabalhar e nem toda a gente pode gostar do que faz”
  • “Como estou numa relação, mais cedo ou mais tarde vamos viver juntos”
  • “Acordar cedo é a melhor forma de começar o dia”
  • “Como já tenho 34 anos já está na hora de ter filhos”
  • “Uma mulher deve ter uma profissão para não ficar dependente do seu marido”
  • “As meninas gostam de bonecas e os rapazes gostam de carrinhos, por isso já escolhi um fato de princesa para a minha filha levar à festa da escola”

Algumas destas coisas podem fazer sentido, outras não … Mas então e tu? O que é que tu queres? O que é que faz sentido para ti?

Aposto que tens tomado muitas decisões baseadas naquilo que foste “aprendendo” como correto e nunca paraste para pensar se fazia sentido para ti.

A minha proposta para ti é colocares a seguinte questão em relação às mais variadas partes da tua vida …

“Como é que seria se…”

E completas com o oposto do que te tens convencido nos últimos anos de que era suposto fazeres.

Tenta não reagir logo negativamente a essa possibilidade … Afinal de contas estás só a colocar uma pergunta no ar, não estás a decidir o futuro da humanidade 🙂

E para além disso, podes descobrir que estavas a fazer a escolha mais acertada para ti desde sempre e isso é ótimo para ti.

No mundo das possibilidades como é que seria se colocasses essa nova hipótese em cima da mesa? O que é que poderia ser negativo nisso? O que é que poderia ser positivo? E já agora … O que é que te apetece?!?!?!

Tem um lindo fim de semana e, só para saberes, são 16h e estou a comer pizza 🙂  Hhhhhuuuuuu!!! Que rebelde 🙂

Lol!

Boas mudanças de paradigma

Jo ♥

 

(Texto escrito no meu perfil de facebook num daqueles momentos de inspiração que me apetece partilhar com o mundo 🙂 )

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *