Hoje era dia de trabalhar por casa

Hoje era dia de trabalhar por casa

 

Tinha duas sessões marcadas, mas ambas desmarcaram … por vezes acontece quando se trabalha diretamente com pessoas… Decidi aproveitar e dedicar este dia a mim 🙂 Nada como improvisar uma ronhazinha 🙂

Mas antes disso … fui passear o cão perto do mar (quem tem cães sabe que há poucas coisas mais relaxantes e quem me conhece sabe que adoro namorar com o meu cão 🙂 ). Depois fui correr meia horinha (não bati propriamente o meu record de velocidade mas enfim 🙂 ). Passei numa feirinha do livro aqui perto e comprei 6 novas relíquias e, por isso, passei uma boa parte do dia a ler não 1, não 2, mas 3 livros maravilhosos (é tão bom quando encontramos um livro que parece música de tanto que nos encanta… Adorava um dia escrever assim…). Fui ao supermercado e enchi o frigorifico de legumes e frutas … mas, só para contrariar, decidi fazer uma sobremesa e dar um desconto aos meus habituais cuidados alimentares (decidi só comer sacarose 1 vez por semana, desde de que fiz o meu detox de 2 meses sem açúcar e achei que uma mousse de côco merecia o sacrifício). Ainda consegui ver um episódio do Castle (adoro o sentido de humor e aquele ar de miúdo traquinas da personagem principal). Estive com o meu caderninho de autocoaching a fazer um exercício novo inspirado pelo vídeo de um dos meus mestres e tudo isto a ouvir Richie Campbell (“You’re my best friendddddddd. The one that I love until the end”!!!).

Foi um dia lindo, mas o mais fixe é que passei este dia incrível sozinha 🙂

Estou a descobrir as maravilhas da Solidão.

Osho fala de “Amor, Liberdade e Solidão” (Já leste este livro? RECOMENDO. É um dos melhores de sempre e já o ofereci à maior parte das minhas amigas). Até hoje sempre fui muito boa na parte do Amor e da Liberdade … Solidão era uma coisa que fazia quando podia, nos intervalos de estar com outras pessoas. Sentia falta mas não compreendia a sua importância e a verdade é que aos poucos desaprendi como se fazia e o meu corpo, a minha mente e o meu coração estranhavam quando acontecia estar só. Faltava qualquer coisa, um silêncio estranho que trazia uma impaciência e ansiedade difíceis de compreender. Tipo: “E agora? O que é que eu faço?” … Como era desconfortável fui, inconscientemente, evitando até que quase me perdi de mim… De repente já não sabia quem era, onde era o meu lugar …

Por isso, se estás neste momento meio perdido, sem saber bem o que queres, qual é o teu caminho, onde deverias estar, provavelmente precisas de voltar a ti … ao melhor lugar do mundo, ao único sítio onde podes ser realmente tu e saber novamente responder a todas as questões que tens por responder na tua alma.

Eu sei que se tens filhos, um trabalho com horário fixo e uma agenda impossível de contornar provavelmente não poderás ter um dia como o meu, pelo menos até às férias … Mas sugiro que encontres momentos para♥ ti durante o dia, nem que seja 15 minutos para viajares para o teu lugar seguro e te reencontrares com a pessoa que és e com a visão da pessoa que queres ser no futuro. É bem possível que andes por aí cheio de saudades de ti mesmo e nem repares. A mim acontece-me o mesmo quando revejo o meu irmão … ele vive em Londres e estamos meses seguidos sem nos ver e até me esqueço de falar com ele. Mas no dia em que o vou buscar ao aeroporto e o vejo a descer aquela rampa lembro-me das saudades que não sabia que tinha e só me apetece correr para ele, abraça-lo e chorar de alegria 🙂 E normalmente é o que faço 🙂

Por isso, se puderes, experimenta só durante uns dias, tirares 15 minutos para ti para correres para os teus próprios braços e chorares, rires e pulares de alegria porque finalmente estás a recuperar das saudades de ti mesmo … a pessoa mais maravilhosa do mundo.

Tem uma linda noite e espero que pelo menos em sonhos te encontres contigo mesmo 🙂

Até já!

Jo ♥

 

(Texto escrito no meu perfil de facebook num daquele momentos de inspiração que me apetece partilhar com o mundo 🙂 )

 

 

One Comment

  1. 6-14-2016

    Muito obrigada, amigo. Vou usar essas dicas hoje mesmo

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *