Aqui vou ser Feliz! – Ter uma personalidade especial

Será que sou só eu … que adoro um “Bom feeling”

 

Existem muitas áreas de vida em que fomos ensinados que a nossa felicidade não depende de nós e não é da nossa responsabilidade.

Temos um trabalho que não nos faz feliz e culpamos o nosso chefe ou os nossos colegas. “Se eles não fizessem X ou Y, eu seria feliz”. Estamos num relacionamento que não nos realiza e culpamos a pessoa com quem casámos ou namoramos. “Se ao menos ele mudasse, eu seria feliz”. Não temos dinheiro para fazer algo que gostaríamos e culpamos a nossa origem ou o governo. “Se eu tivesse nascido noutro país, ou se viesse de uma família rica, eu seria feliz”. Queremos estar em melhor forma física, mas estamos com peso a mais e culpamos o stress, o trabalho, a família, a falta de tempo. “Se eu tivesse tempo e outras condições de vida para pensar em mim, aí sim, eu seria feliz”. Se, se, se, se…

 

Lembra-se daquele anúncio a um crédito a habitação, em que se dizia “Aqui vou ser Feliz” ao som do maravilhoso “Bom feeling” da Sara Tavares?

Aqui vou ser Feliz” subentende que se mudar de lugar vai ser feliz. Se mudar de trabalho vai ser feliz. Se mudar de Namorado vai ser feliz. Se fizer aquela viagem vai ser feliz. Se gostar do que vê ao espelho vai ser feliz. É bem provável que sim. Certamente que terá bons momentos se tomar boas decisões e tiver boas experiências. Quero apenas alertar que quando o entusiasmo da mudança passar, quando voltar da sua viagem, ou quando olhar para o fundo dos seus olhos refletidos no espelho, o regresso será feito exatamente para o sítio de onde partiu … para dentro de si.

Se já leu o meu ebook, sabe um bocadinho mais sobre a minha história e sabe que eu sou fã de uma boa mudança e sou apologista de alterar o que não está bem na nossa vida em vez de esperar que as coisas melhorem. No entanto, se estiver a mudar coisas na sua vida apenas como distração dos verdadeiros desafios que enfrenta dentro de si, certamente não terá os resultados que deseja. As mudanças externas funcionam apenas como uma fuga daquilo que é realmente determinante para a sua felicidade, o desenvolvimento de uma personalidade especial … Chamemos-lhe uma personalidade “Bom feeling”.

 

Como é que eu desenvolvo uma personalidade “Bom feeling”?

Os traços deste tipo de personalidade revelam-se maioritariamente nas pessoas que parecem desfrutar de situações que os indivíduos comuns considerariam insuportáveis. Falo de pessoas como Viktor Frankl ou Nelson Mandela. Para tal seguem determinadas fases. Primeiro prestam muita atenção às diferentes características do ambiente que lhes possibilitem oportunidades de ação. Depois definem objetivos adequados à situação em que se encontram e, finalmente, sobem a fasquia cada vez que alcançam um objetivo. Resumidamente, estes indivíduos são detentores de um propósito firmemente orientado e desinteressado e são levados a dar o seu melhor em todas as circunstâncias. Esta personalidade pode advir de herança biológica ou pode ser fomentada pela educação, no entanto pode também ser cultivada e aperfeiçoada com treino e disciplina.

O que eu gostava é que parasse de apontar para longe de si a dizer “Ali vou ser feliz”, mas colocasse a mão no seu coração e dissesse, de uma vez por todas, “É aqui dentro que eu vou ser Feliz”.

Deixo-lhe algumas estrofes da canção “Bom feling” da Sara Tavares e … acho que não é preciso dizer mais nada:

Deixa a janela do sorriso aberta,
Coisa boa, boa,
Coisa desperta,
Canta caia, caia nos liberta.Deixa de complicação,
Deixa de confusão,
Liberta a alma dessa prisão,
Deixa-te guiar pelo coração.Esse coração assim desagasalhado, vais sair assim?
O sorriso aonde é que está?
Tás a pensar que vais aonde assim?
Tens mesmo é que buscar, buscar,buscar, ir fundo,ri só,ri só!
Dá-me um bom feeling dentro de ti,
Que eu dou-te um bom feeling dentro de mim,
Bom feeling para voar,
Bom feeling para motivar!
Bom feeling dentro de ti,
Que eu dou-te um bom feeling dentro de mim,
Bom feeling para levar,
Bom feeling para nos fazer sorrir!Dá-me um…
Bom feeling…
Bom feeling…
Bom feeling…
Bom feeling…

Até breve.
A sua Coach,
Joana Areias

9 Comments

  1. 5-19-2016

    Eu gostaria mesmo de ficar com o livro ..Qual o valor dele? .

  2. 12-8-2014

    Joana,

    Amo de paixão seus artigos.

    Obrigada;

    Bjs.

  3. 12-4-2014

    Olá, é bom sentir que nos é dado a oportunidade de “Bom Feeling”.
    Mas por vezes existe a falta de coragem…
    Obrigado,
    Atentamente
    Fernando Sousa .

  4. 3-7-2014

    É bonito sim senhora mas não percebo perfeitamente o que quer que procuremos no nosso interior. Aceitar? Deliciar-nos com as coisas menos boas que temos? Ou desvalorizar o que nos incomóda? É dificil. Não sou a pessoa mais bom feeling do mundo, mas já consegui sê-lo. Por vezes as exigências externas são tantas que nos confundem o ser, já nem sabemos bem o que queremos porque mal temos tempo para pensar em nós…E por isso em vez de um pessoa bom feeling tenho medo de me tornar uma pessoa insípida…

  5. 12-22-2013

    Ola Joana,
    Gostei muito!
    Obrigada

  6. 11-18-2013

    Maravilha! Muito obrigado, Joanas Areias, minha coach favorita!
    Compartilhei seu artigo com meus amigos do FaceBook!!!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *